sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Outro two-man dos sonhos? (+Afilia Saga e idol goods)

Hora de fazer o report de mais um show. Primeiro, novo two-man em Shinjuku. Domingo dia 11 de outubro, exatamente um mês depois do show relatado no post anterior, o Up Up Girls Kakkokari voltou a fazer parceria com outro grupinho. Pela segunda vez elas se uniram ao Lyrical School, para realizar o "6 Mic 7 Soul -mix2-" no refinado Shinjuku ReNY (capacidade para quase 800 pessoas. não lotou, mas chegou perto. a pista estava bem cheia). Teoricamente deveria ter sido um show ainda melhor que o do mês passado, afinal: 1- são grupos mais próximos, da mesma gravadora, com boa química entre as meninas já (que o digam Ayaka e Nyansan); 2- sendo a segunda edição, já havia uma experiência anterior para elas poderem repetir os acertos, corrigirem os erros e melhorarem; 3- foi um show anunciado a bem mais tempo atrás e ambos os grupos se encontravam em semana não tão movimentada; 4- atualmente eu tenho mais afeição ao Lyrical School que ao Passpo, seja no aspecto humano ou com relação às músicas (lançamentos mais recentes, pelo menos). Porém... isso não ocorreu. =/ O show foi muito divertido, mas inferior às experiências passadas (tanto do Up Up com o Passpo como da primeira edição). Por dois motivos, basicamente. Primeiro porque outra vez o show teve a 'invasão' do Idol Renaissance. u___u Porque raios enfiaram de novo aquelas lolis feiosas e forçadas? Eu sei que é coisa da gravadora, mas então que usassem a oportunidade para promover outro grupinho, para dar uma variada e porque o Idol Renaissance a esta altura já tem uma fanbase consistente. A rigor não precisam disso. E dessa vez a 'invasão' foi ainda maior, com mais tempo de show e participando de MCs e da parceria musical. Eu ainda tentei 'fugir' delas, chegando atrasado pro show (o que me fez perder o MC de abertura, novamente comandado pela dupla Ayaka e Nyansan. nele, a Nyansan lançou o pedido pra que o pessoal seguisse ela no twitter, afinal ela estava muito próxima dos 5 mil followers. se conseguisse, ela voltaria a usar a ferramenta ativamente. o pedido deu certo e ela conseguiu atingir a marca no dia seguinte, passando a floodar a timeline desde então. ^__^' uma pena que, a princípio, seja novamente por tempo limitado. até quando ela ainda não revelou. em tempo: coitada da Hime-san que ainda está BEM longe da mesma marca ^__^' ), mas não surtiu muito efeito por causa disso. Ainda tive de acompanhar duas músicas de seu opening act, pois tinham começado atrasado, só pra variar. -___- (eu me baseava nos horários estabelecidos pela 'produtora' Ayaka previamente. foda que no final das contas num seguiram nada do planejado ali, pelo menos não na segunda sessão, à qual estive presente)

E em segundo lugar porque nesta ocasião não pude participar de atividade nenhuma com os grupos. =( O Up Up só realizou seu tradicional group akushukai, então ainda podemos dizer que não perdi lá grandes coisas. Não deu pra participar porque os goods delas que eu queria, como de costume, estavam esgotados. Mas pelo menos com o Lyrical School eu queria interagir. Tirar algum 2 shot e tals. O que não foi possível porque os tickets de participação já estavam esgotados. =/ Pois é, os wotas do grupo compareceram em peso (o público desta vez estava praticamente dividido meio a meio entre fãs do Lyrical e Up Up) e gastaram pacas. Eu ainda cheguei a comprar umas trading photos do grupo (tiradas durante o one-man de julho), bem como já garanti meu ingresso para o show inédito madrugada adentro a ser realizado mês que vem (e que terá as presenças já garantidas da Ai Shinozaki ex-AeLL. e Charisma.com, entre outros). Era pra ter recebido tickets suficientes para dois 2 shots... ;___; Também comprei uma camiseta especial criada pela Ayaka. Se da outra vez ela tinha feito uma com estampa da Nyansan, dessa vez foi com o grupo todo. Comendo. .___. Destaque pro crédito "designed by #ayaka_kimoi". kkkkkkkkkkkk Morri! Pelo menos ela própria já se assume como uma kimo wota. XD Quanto ao show... pelo visto eu devia ter comparecido na primeira sessão, pois esta apresentou algumas coisinhas diferentes (Charge-san cantou junto com o Idol Renaissance em "17 Sai"; as meninas do Up Up participaram de "Fresh!!!" e "Sorya Natsu da!" enquanto as do Lyrical participaram de "Summer Beam!" e "Bare Bare I Love You"; e os três grupos se juntaram para cantar um mega mash-up de canções entitulado "Koi suru Kankaku wa Fresh na Typhoon"). Já a sessão que eu vi... foi praticamente uma mera cópia do show passado. =/ Começou com o Lyrical School dando seu tradicional grito de guerra nos bastidores e vindo ao palco (simples, tinha apenas um grande símbolo do evento ao fundo) para cantar "Oide yo", "Yume de Aitai ne", "Nagareru Toki no You ni" (foi uma grata surpresa. é bem raro o grupo cantar essa música), "Parade", "Put Your Hands Up!", "Ribbon wo Kyutto", "Rainbow Disco", "S.T.A.G.E" e "I.D.O.L.R.A.P". Só então veio o MC com rápida apresentação pessoal e comentários sobre o show. Lyrical dando umas de Hime Kyun Up Up e se apresentando non-stop, uma música atrás da outra sem paradas para descanso ou bate-papo. Bem, foi diferente né. Elas trajavam a roupa do último single e foi exatamente ele quem abriu o segmento final. Cantaram "Wonder Ground" (que rapidamente tem se tornado uma das músicas mais legais delas ao vivo), "Fresh!!!" e "Photograph". MC final se despedindo e abrindo espaço pro Up Up.

O Up Up Girls Kakkokari veio ao palco no meio do "overture", trajando o uniforme colorido mais recente (sem a capa branca). Duas coisas me chamaram a atenção logo de cara: Hime-san estava de cabelo solto, sem seus tradicionais twin tails. Algo não muito usual nos shows. E Ayano passou toda a apresentação nos cantos do palco, sem participar mais ativamente das coreografias por conta de um problema na coluna. (lembram do TIF? pois é, ela precisa ir logo num médico e tirar uma folga antes que piore...) A apresentação portanto acabou sendo um pouco prejudicada, mas nada de novo aqui. Anteriormente, também por problemas físicos, Nezumiiko e Nyansan já se apresentaram na mesma posição. Sem falar que isto proporcionou-me uma boa visão dela durante quase todo o show, uma vez que eu estava próximo ao palco mas numa das laterais. =3 Havia inclusive uma área reservada para meninas ali perto, algo que conforme a fanbase do Up Up tem, aos poucos, crescido, passou a virar uma necessidade. Bom, na concepção dos organizadores né. Eu particularmente sempre achei aquilo uma bobagem, até porque a galera é bem respeitosa e tals, mas enfim... Elas cantaram "Niji iro Mosaic" (com a Nyansan falando "Ayaka-chan, suki da yo!" no final), "Cherry to Milk", "Bijo no Yajuu", "Jumper!", "Chopper☆Chopper", "Upperlay", "Onegai Miwaku no Target", "Uppercut!", "Starry Night" e "Beautiful Days!". MC só no final, outro non stop. Explicaram que tinha sido a Ayaka quem tinha escolhido a setlist, por isso a presença de várias canções mais baladinhas e que elas não costumam cantar tanto. Mesmo assim foi bem agitado e divertido como de costume. Fiz minha parte, tanto que o pessoal até abriu um espaço em minha volta, de incômodo respeito. =P O encore não demorou a ocorrer. Era hora da apresentação em parceria propriamente dita, no chamado "Lyrical Girls Kakkokari". Que contou com a invasão de três meninas do Idol Renaissance. Repetiram rigorosamente os mesmos "Summer Mix" (com trechos de "Up Up Typhoon", "Summer Beam!", "Fresh!!!" e "Sorya Natsu da!") e "Party Mix" (com trechos de "Sakura Drive", "Chopper☆Chopper", "Parade" e "brand new day") de outrora. Rolou uma certa frustração pois eu esperava que mudassem os mash-ups. Mesmo se apresentando pela segunda vez, conseguiram novamente demonstrar desentrosamento com erros de dança e canto. Isso porque houve ensaio prévio, imagina se não tivesse. No MC final com as últimas considerações, Mei lembrou que aquele dia era uma data especial pro grupo. Exatos cinco anos de criação do Lyrical School. Rolou até um parabéns com direito a bolo...




Mas não pra elas. E sim para a Charge-san, que fez 22 anos no dia seguinte. Pegou ela de surpresa, ainda mais com aquele bolo zoado. kkkkkkk Gostei que em seu discurso a Charge-san disse que vai se empenhar bastante inclusive para aflorar mais seu 'iroke'. =D Aí sim, hein! Ela deu umas provadas no bolo (assim como a Mei, disfarçando malandramente XD ). O Lyrical só recebeu arranjos florais mesmo. Pelas palavras da Ayaka, fechando a noite, deu-se a entender que uma terceira edição é só questão de tempo. Vai ocorrer. E com mais Idol Renaissance. ;___; Pois se for assim, outro repeteco, não garanto minha presença, sinto muito. (Nesse link tem report com muitas fotos do evento) Sem participar das atividades posteriores, voltei logo pra casa. Mas não sem antes dar um pulo na grande loja da Tower Records em Shinjuku, que tinha de interessante apenas um stand do Team Shachihoko (primeira foto abaixo). Relacionado ao grupo, inclusive, comprei: a revista "Marquee" volume 111, com elas na capa (Otome Shintou na capa alternativa). Além de matérias com esses dois grupos (destaque para o ensaio fotográfico do Team Shachihoko com formato história em quadrinhos), tem ainda Kiss Bee, Nogizaka46, Denpa Gumi.inc (falando sobre os recentes shows pela Europa), GEM, FYT, Doll Elements, PiiiiiiiN, Yurumerumo!, Houkago Princess, Idol College, nanoCUNE, Stereo Tokyo, Shibuya Dominion, entre outros. A revista cada vez mais focada em idols do que em variados estilos musicais como antigamente, apresenta míseras 12 páginas (de 126) com outros artistas. =D Peguei o livro especial "Team Shachihoko Live Photobook 2015 ~anthem wo kikinagara~", que como o próprio nome já indica, se trata de uma coletânea de fotos delas durante todos os shows do grupo no primeiro semestre do ano (total de 18 eventos). No palco e fora dele, nos bastidores. Para os fãs do grupo, um item essencial, que tem uma seção com fotos individuais de cada membro e veio com cinco trading photos de brinde. (que eu esqueci de colocar na foto acima... mas não faz falta, não veio nenhuma da Yuzuki mesmo =P ) E comprei ainda o mini-album "Iijanaika" (lançado dia 30 de setembro e que pegou um sexto lugar no ranking da Oricon), um baita cd muito bem produzido e que veio com adesivo da orelhuda Honoka. Ele apresenta uma variedade de estilos única, passando pelo rock de "Basyauma Rock", pelo hip-hop de "Joint" (cover do Rip Slyme), pelo disco de "Nigi² Wonderland" (produzida pelo famoso CMJK, ex-Denki Groove, que já trabalhou com inúmeros artistas como Ayumi Hamasaki e Smap. ele já tinha ajudado o grupo antes em "Shampoo Hat"), pela frenética "Chiguhagu Runners High" (minha favorita) e chegando na baladinha "Yume no Tochuu".

Um dos melhores cds do ano, com certeza. Nos próximos dias o grupo lançará outro mini-album, uma continuação entitulada "Eejanaika", com mais colaborações de peso. Pelo clipe lançado esta semana de uma das novas músicas, já dá para ver que será outro cd fenomenal. Clipe do ano, talvez? =D Elas inclusive concorrem ao VMA Japan deste ano pela colaboração com o Basement Jaxx. O Team Shachihoko é na minha opinião o melhor grupo idol da atualidade, em termos de qualidade das músicas, shows, goods, valores de produção... Uma pena que seja difícil ver elas ao vivo, poucas oportunidades com ingressos caros e concorridos. Em dezembro farão uma série de shows (em Nagoya) solo, de cada membro. Fora isso, até o final do ano apenas mais duas apresentações já agendadas. E alguns eventos de lançamento destes mini-albums, com direito a 2 shots via sorteio. Tenho de me lembrar de comprar o próximo cd mais rápido para poder concorrer. ^__^' A última aquisição do dia foi a publicação "Chugoku Shikoku Idol File", que como o próprio nome já indica, se trata de um guia com infos e fotos de quase todos os grupos idols daquela afastada região no sul do país. Merecidamente, Hime Kyun Fruit Can em destaque na capa e com a maior matéria. Tem destaques ainda pro Yamaguchi Kassei Gakuen, Hiroshima Maple★S, nanoCUNE e Splash. E matérias menores com um monte de grupos obscuros, muitos dos quais eu nunca tinha ouvido falar como Sugartrap, One e Re:ReKOCHI. Bom, creio que para ver muitos desses, só viajando até lá. Encerrando o assunto, quanto às novidades dos dois grupos que se apresentaram no dia... o Lyrical School terá uma sequência de sete apresentações no final deste mês e começo de novembro (algumas referentes à campanha de lançamento do novo dvd, dia 4. ele contém imagens do one-man de julho, encerramento da turnê). Mas depois, por enquanto, apenas mais três apresentações confirmadas até o fim do ano (uma delas no festival da gravadora T-Palette Records, dia 20 de dezembro. pela primeira vez terá a presença de alguns grupinhos de outras gravadoras, mas será realizado em palco menor que de outrora). Porém, no mínimo mais um show deverá ocorrer, assim espero. Um one-man de despedida da Hina Komatsu. ;___; Dois dias após esse two-man, de maneira completamente repentina e inesperada, a caçula do grupo anunciou pela internet sua graduação. Fiquei chokita. Alegando que pretende se concentrar nos estudos (de línguas. inclusive saindo do país) e conseguir um emprego 'normal', ela optou por deixar o grupo neste final de 2015, após dois anos e meio no Lyrical. =/

Achei essa história muito estranha, pois não só o grupo vinha numa boa fase como ela, individualmente, vinha conseguindo certo sucesso com ensaios fotográficos. Em nenhum momento, incluindo o show do dia 11, notei ela estranha, apática... Pelo contrário, ela sempre parecia muito contente e como cheguei a comentar recentemente, uma das mais simpáticas e graciosas no grupo. Pelo que parece, nos bastidores o clima não andava assim tão bem. E aí pode residir o real motivo da saída dela. Alguns dias depois, no twitter, a Hina começou a fazer uns comentários meio estranhos culminando numa resposta atravessada, nem um pouco amistosa (e já deletada), para a Mei. Esta, por sua vez, tinha feito um post em seu blog (também apagado) onde deixava transparecer certo ressentimento com a colega, muito pela forma como a Hina anunciou sua saída. Não dá pra saber se foi tudo um mero mal entendido (como alegado depois. parecem estar tentando colocar panos quentes no caso desde então) que nasceu e morreu ali ou se elas já não vinham se dando bem a tempos. Especulações tomaram conta da fanbase no 2ch. O fato é que a Mei sempre me pareceu uma das mais dedicadas ao grupo (a 'alma' do Lyrical, se entrega sem se preocupar em ser a center, papel que ela deixa para a Ayaka), logo não me espantaria se ela não reagisse bem à Hina chegando, da noite para o dia, e dizendo que vai sair. =/ Bom, no mínimo esse episódio já criou um certo mal estar para as próximas apresentações e eu... sinceramente não sei de que lado ficar nesta batalha. No caso do BiS, eu era 'team Yuffie' desde criancinha contra a Pour Lui. Mas aqui... já começa que tenho simpatia por ambas... Sei lá, acho que no final das contas eu seria 'team Mei' por ela ser a veterana, que pensa no grupo sem egocentrismo e me acha um ikemen. =P Vamos ver se haverá entrada de membro nova em breve. Quanto ao Up Up Girls Kakkokari, no youtube além de uns vídeos antigos, uparam o "Senjou Kakkokari" episódio 74, com Charge-san e Hime-san. Um contraste entre a primeira, alegre pelo seu aniversário, recebendo bolo e mensagem das meninas do Idol Renaissance, com a Hime-san, que estava com a voz ruim e dor de cabeça. Coitada dela, nem parecia a mesma Konatsu de sempre. Maldito manager que a fez participar da gravação mesmo assim. u___u* E o episódio 75, com a mesma dupla outra vez. Hime-san ainda não 100% e tendo que aguentar a Charge-san apertando suas bochechas. XD Que inveja, também gostaria... se bem que eu apertaria a Hime-san em outro lugar, mas abafa o caso. ^__^' Ela diverte com suas caretas, mas a Charge-san rouba a cena com suas risadinhas "hihihihi". Kawaii demais. S2

No dia 12 elas tiveram rodada de teiki kouen em Akihabara, com direito a apresentação especial de aniversário da Charge-san, onde ela cantou pela primeira vez sua música solo entitulada "Mega Mori! ma vie!!". Será que tem versos em francês também? Espero que seja lançada em algum cd ou no mínimo upem vídeo dessa performance no youtube algum dia. Cantou ainda uma cover de "Poupée de cire, poupée de son", clássico francês. Já a Hime-san (que havia cantado "Scramble" da Maki Goto em outra ocasião) cantou solo "Romantic Ukare Mode", de outra ex-Momusu, Miki Fujimoto. Foi um dia bem agitado, Nyansan comentou que perdeu um quilo ali. ^__^' Fizeram outras quatro apresentações neste meio período e neste final de semana terão um festival em Yokohama e o segundo show em Saitama-ken pela turnê nacional. Esse foi marcado porque esgotaram os ingressos da apresentação anterior, assim como aconteceu com a edição de Tokyo e irá acontecer com a de Shizuoka (data ainda a definir). Turnê nacional que, agora em sua reta final, vai dar uma parada até a virada do ano. Só mais duas apresentações em novembro, passando por Kanagawa-ken (cujos ingressos esgotaram. se seguirem o script, vai ser outra a ter repeteco em breve) e Yamanashi-ken (onde terá um especial pelo aniversário da Charai-san). As próximas semanas continuam pouco movimentadas, apenas com teiki kouen do Team Makenki nos dias 26 e 9 (Nyansan participará do segundo) e festivais nos dias 31, 7 (recém marcado, um festival promovido pelo Moshi Moshi Nippon, grupo que visa a difundir a cultura japonesa. parece que dá pra ir lá de graça só com passaporte de estrangeiro, se for assim tô dentro =D ) e 22 (um mega @Jam The Field com vários nomes de peso). Ayano apesar dos problemas físicos continua usando bastante o instagram e Charai-san, o Cheerz. Ela inclusive já está em segundo lugar no ranking mensal e tem ganho a primeira posição diária em várias oportunidades. Ganhou um evento recentemente no aplicativo, que lhe garantirá aparecer numa revista em breve. E ela anda tão em alta que... terá um photobook lançado no próximo dia 16! o___o Entitulado "Seventeen's Blue", será não só o primeiro dela como o de qualquer menina do grupo até hoje. Quem diria. Exatamente a mais jovem e magricela lançando um photobook, nada de Nezumiiko que costumava ser a 'grabia queen' do Up Up. Onde esse mundo foi parar?! No mesmo dia terá evento de lançamento em Shinjuku e pelo que vi dos detalhes... Coitados dos fãs dela, irão gastar uma nota preta por tão pouco fanservice. ^__^' Se for nesses moldes, tomara que a Nyansan nunca lance um.

Na saída do shopping Flags (onde a Tower Records fica, ocupando do sétimo ao décimo andar), comprei um picolé diferente (e caro) numa barraca da Cold Stone Creamery montada ao lado da estação de trem. Tinha de vários outros sabores (além do de morango que eu comprei), também bem exuberantes... Nas fotos seguintes abaixo, uns goods que andei recebendo aqui em casa. =3 Primeiro tem um cheki autografado da curvilínea Areki, do FYT. Sim! Pela quarta vez eu ganhei um sorteio realizado por revistas (neste caso, "Gekkan Entame"). Sinal de que aos poucos estou deixando de ser tão azarado assim. ^__^ Pena que ela cobriu o corpo com um travesseiro na foto... o FYT continua com agenda pouco movimentada, tendo como grande novidade a realização de um satsueikai no começo de novembro. Apenas as aprendizes participarão. Tomara que decidam expandir a idéia futuramente e façam sessões de fotos com a Areki também. =3 Amanhã estará sendo lançado um calendário 2016 dela. Ainda não sei se compro... Algo que não tive dúvidas e peguei, porém, foram os goods da quarta e quinta fotos. Disponibilizados por uma edição antiga da "Gekkan Entame", demoraram para chegar. Primeiro um dvd com imagens do backstage do ensaio dela para a revista. Achei bem fraquinho, principalmente porque não teve nenhum trabalho de edição na gravação. É filmagem bruta, logo, com câmera tremida, perda de foco, longos minutos sem ação nenhuma... =/ Bom, imagino que deva ser um 'charme' deste tipo de produto limitado e tenham otakus que gostem. Eu achei bem entediante. Depois tem um Quo card dela de bikini. Maravilhosa. *___* E por fim tem um generoso pôster em escala 1:1 com ela de bikini, já devidamente pregado em minha parede. Se ainda não tenho ela em carne e osso em meu lar doce lar, pelo menos tenho esse pôster para ficar babando. XD Ainda na quarta foto tem uma revista que comprei, a "EX Taishuu" de novembro, com a Sayanee do NMB48 na capa, ensaio principal e clear file. Ela já fez muitos ensaios generosos, mas neste está bem comportada. Tem ainda fotos com a Nagao do AKB48, uma tal de Akimoto do Nogizaka46, Ego do SKE48 e uma tal de Motomura do HKT48; entrevistas com as belas Yuria, Juri e Haruu do AKB48; matérias variadas com outras meninas das franquias ~48; matéria mostrando o quarto da Haruna do Lovely Doll e o quarto de um wota dela; entrevista especial com algumas ex-Idoling!!! (o grupo acaba oficialmente no fim deste mês) e ensaio com uma delas, Kurumi Takahashi... mas o melhor aparece no finalzinho da revista: fotos mais ousadas com várias grabia idols, entre elas a volumosa Aya Hazuki, a ex-SKE Seira e ex-AKB Nacchan.


Nacchan que inclusive esteve com novo dvd (seu terceiro) sendo lançado hoje, entitulado "Natsu Shojo". Pelas fotos da revista e trailer, dá pra se perceber que é o dvd mais 'pervertido' dela até aqui, se mostrando mais numa progressão natural para modelos do gênero. Fico imaginando até que ponto ela irá topar... espero que antes de chegar num filme pornô. O evento de lançamento será no próximo dia 31. Ela, após participar de seis peças teatrais ao longo do ano, está no momento parada. Por hora, focada na carreira de modelo, posando para revistas além deste dvd. Aproveitando que estou falando de idols variadas, o Afilia Saga soltou uma prévia do clipe do novo single "Embrace Blade". Com lançamento dia 18 de novembro, já estão em meio à campanha de lançamento com muitos eventos. Além deste final de semana, terão apresentações nos dias 31, 1, 3, 7, 8, 11, 14 e 15 já agendadas. Entre os dias 16 e 22, ainda irão marcar mais. Fora as participações em festivais nos dias 25, 27, 3 e 6. Pois é, finalmente o grupo voltou a ter agenda lotada. Já anunciaram um novo grandioso one-man para o dia 23 de dezembro, especial natalino com o título "Yakusoku no Ano Sora no Hate he". Será que terá alguma surpresa? Só espero que não seja graduação, porque né... Falando nisso, a recentemente graduada Raymee... resolveu finalmente assumir sua verdadeira identidade, Sarara Yashima, deixando pra trás tanto o Raymee Heavenly do grupo quanto o Reimi Yukarino que ela usava na carreira de dubladora. Ela quer com isso 'recomeçar do zero'. Interessante essa mudança, que veio com ela assumindo seu título de miss no passado e revelando que cursou literatura alemã na faculdade. =O Seu show de graduação foi muito bonito, com casa lotada e muitas lágrimas de emoção. Que bom que ela saiu de bem com o grupo, anda inclusive saindo junto pra passear com as ex-colegas. Ela se afastou dos maid cafes do grupo uma semana antes, dia 22 de setembro, com aparição na filial de Ikebukuro. Me chamou a atenção que dias depois abriram uma nova filial (a sétima), chamada de 'Afilia Bonjour' aqui em Saitama-ken (na cidade de Omiya). Pelas fotos, lembra muito o pequeno bar de Ueno, também quase ao lado de uma estação de trem. Quem sabe um dia eu visite o local, apesar de que pelo visto nenhuma membro do grupo dará as caras por ali. (nem fica muito distante de Tokyo, mas sacumé) De qualquer modo, isso é um sinal de que, apesar de tudo, o Afilia continua um negócio bastante lucrativo. Bom, na última foto acima, um painel da Nachu do Passpo, também de bikini e autografado. =3 Esse eu comprei mês passado na já comentada ida à Akihabara, numa loja de usados.

Mas tinha esquecido de tirar foto, porque pendurei lá na cozinha. ^__^' Tudo a ver né, convenhamos. Foto da porca gorda comilona Nachu numa cozinha perto de alimentos... =P Esse é item raro de venda limitada (tanto que possui numeração), que custa caro e é disponibilizado de vez em quando pelas editoras de revistas com ensaios fotógraficos das idols. Mas como se trata da flopada da Nachu, encontrei na loja de usados por menos da metade do preço original. Tinha também painéis da Oppaipon, MioMio e até da Areki, mas estes mais caros. Quem sabe eu compre daqui um tempo quando baixarem o preço. Se ainda estiverem lá, claro. Pois bem, antes de encerrar o post, só deixa eu comentar rápido sobre o início de temporada da NHL. (ice hockey e idols, nada a ver uma coisa com a outra kkkkkkkk) Eu estava bem animado e esperançoso para esta temporada 15-16, afinal a diretoria do meu Colorado Avalanche tinha feito boas aquisições na offseason (Soderberg, Beauchemin, Gormley, Zadorov), se livrado da 'novela' em torno do O'Reilly e renovado com o Johnson. Até rebaixaram alguns pelegos (Cliche, Redmond) pro time satélite na AHL. Tudo apontava para um boa temporada, com time no papel bem mais forte e equilibrado que o da temporada passada. Mas a alegria durou pouco. Outra vez fizeram uma pré-temporada horrorosa e começaram mal o ano perdendo quatro de seis jogos. A falta de padrão e jogadas ensaiadas, as mesmas fragilidades defensivas e de transição de outrora, o mesmo número elevado de shots against por jogo... Pois é, o fantasma de mais uma temporada medíocre voltou. O fato do lendário técnico Roy ficar ainda utilizando o péssimo Holden na defesa e dando a ele o maior tempo de jogo por partida, faz lembrar os sombrios anos de Sacco e Hunwick. Parece que não vai ser dessa vez que meu time favorito vai sair das últimas posições da tabela. =( Roy tem que parar de teimar em jogar com certos pelegos (Holden e Guenin principalmente), mudar as linhas ofensivas que não estão funcionando e dar mais espaço pros jovens, porque senão... uma pena que o rookie Rantanen, apesar de ter jogado bem, estava sendo pouco utilizado e já foi rebaixado para a AHL. Só espero que não destruam o desenvolvimento do atleta, até porque a carência de novos wingers é evidente, com Iginla e Tanguay dando claros sinais de que já estão com prazo de validade vencido. Neste momento, o time é uma incógnita e tudo pode acontecer ao longo da temporada. Só espero que nada muito catastrófico e que na pior das hipóteses, que a má colocação na tabela sirva para draftarem ano que vem outro winger promissor. Uma hora o time com tanto talento tem que engrenar né. Ou não. >___<'

2 comentários:

wattstax17 disse...

You were late? Again? Don't you learn from your past mistakes? You should know merchandise being sold out quick. Just stupid ;P

Surprised you didn't like the live as it featured your two favourite groups. Though I understand that if it was just a repetition of a former set list I would be 'disappointed' as well.
I like the Up Up Shirt! Very nice!

Sad to hear the back story to Hima's departure. It always saddens me when the members don't get along despite appearing otherwise. At least it is not as bad as with Party Rockets back then.

Festival of Moshi Moshi Nippon sounds intriguing. I hope to read about it here ;)

You really win a lot of chekis recently. Competition seems very low ;P

Speaking about Idoling! I still can't find any infos about future plans of Sekiya Mayu. She is the only member of that group that caught my attention. Such a friendly girl!

Raymee studied German literature? Damn, a talk with her would have been great, though I prefer French.

Tsu Yamato disse...

purposely late to avoid that shitty Idol Renaissance. didn't work as planned but whatever, what is done is done.

and regarding Idoling!!!, the only notable girls are Rurika and Oji. the rest can burn in hell for all I care. =P

good luck talking with Sarara now that she is not an idol anymore. unless you happen to meet her on the streets accidentally.