sábado, 5 de janeiro de 2013

Shinshun Idol Yokocho Matsuri

Bem, mais um report. Mais shows de grupinhos idols. Vou sair da ordem cronológica um pouco, pular os festivais do final de ano (falo deles depois) e falar logo dos primeiros festivais de 2013. O ano mal começou e a loja Idol Yokocho já promoveu um novo festival, o "Shinshun Idol Yokocho Matsuri!! ~2013~". Adivinha aonde? No mesmo Shibuya Koukaidou do show do Passpo. ^__^ Bem mais modesta que a última edição, desta vez eram 'apenas' catorze grupos se apresentando em um palco único (daquela vez haviam vários palcos com apresentações simultâneas). Bem, isto no dia que eu fui (dia 2). No dia seguinte o festival seria um pouquinho mais longo com alguns grupos a mais. Mas o barato seria ir neste dia, afinal teria BiS! E Afilia. =D

O problema de se ter um festival de palco único é que quando aparece algo ruim, você não tem outra opção. Ou assiste aquilo ou... dorme, vai ao banheiro passar um fax, enfim... =/ E nesta edição teve coisas BEM ruins. Mas deixa eu começar do princípio: a chegada. Eu, como já é de costume, saí em cima da hora de casa e quando cheguei, ha! Os akushukais já tinham acabado. u__u Os caras deram uma de Passpo e colocaram todos os akushukais pro início da tarde, horas antes dos shows, que começariam às quatro. Perdi portanto a oportunidade de falar com as idols que tanto gosto. Principalmente com o BiS né, afinal já faz um bom tempo que não falo com elas. Paciência. Não havia nada a se destacar do lado de fora do palco. As banquinhas com produtos dos grupos... nada de novo pra eu comprar. Só haviam de diferente os papéis escritos pelas meninas (todas as meninas de todos os grupos). Eles estavam meio que expostos ali e depois seriam entregues aos felizardos que tirassem um fukubukuro premiado. 


 Para os não familiarizados, fukubukuro é uma sacola fechada que você compra sem saber o que tem dentro. Pode ser coisa boa e cara, como pode ser um monte de tranqueira. Geralmente o valor total dos produtos dentro dela é bem inferior ao valor pago por você pra comprar a sacola. É uma tradição já antiga no Japão dos comerciantes venderem estas sacolas no final de ano pra 'limpar o estoque' e atrair clientes. Nesta época do ano você vê destas sacolas em praticamente todas as lojas. Eu dificilmente compro porque tenho consciência do meu azar (se comprar, na certa vai vir um monte de porcaria >__< ). O palco também estava simples. O legal é que desta vez peguei um lugar ligeiramente mais próximo do palco e melhor: no corredor, com bastante espaço pra pular. =D Mas devo confessar que num agitei muito não, afinal teve muita tranqueira se apresentando. 

O primeiro a se apresentar foi o Bakusute Sotokanda Icchome, que vi pela segunda vez (elas haviam feito a abertura de um show do Afilia). Deu pra ver que neste meio tempo elas melhoraram bastante, mas ainda acho genérico demais. Muita menina pro meu gosto, parece... pois é. Depois veio o Doll Elements, que acho que já vi antes também. Um pouquinho melhor. O terceiro grupo... não era um grupo, era uma solista, Izukoneko. Essa eu tenho certeza que nunca tinha visto. Achei bem legal, a menina agita pra caramba. E estava vestida de um jeito que me lembrou a Mayoi do Bakemonogatari. =D Quarta apresentação, Lovely★Doll. Outro que já devo ter visto antes... Genérico também. Na quinta apresentação, outra solista: Kozue Aikawa. É uma destas 'neo-idols' que andam surgindo aos montes ultimamente, oriundas do Nico Nico Douga. A menina gosta de dançar (e de aparecer) aí fica postando por lá um monte de vídeos dançando músicas conhecidas (os famosos odotte mita), atrai a atenção de pervertidos olheiros e acaba sendo recrutada pra alguma agência, se lançando 'oficialmente' como idol e tals. Eu não tenho lá muita simpatia por elas.

Cabe dizer aqui que os shows estavam variando de duração. Entre duas e cinco músicas, mais uns MCs, apresentações pessoais... não passavam de meia hora mais ou menos, no máximo. O sexto a subir no palco, foi o Dream5. Oh God, why!??! Socorro, quase gorfei. Tudo ruim, começando pelas menininhas de uns dez anos com roupas de adultas e chegando até o garoto... Peraí. Garoto?! É isso mesmo, tinha um filhote de Ricky Martin ali no grupo também. Misericórdia. O sétimo grupo não melhorou, um tal de Rev.from Dvl. As meninas eram tão feinhas que... ei, pode chamar o moleque de volta. >__< O oitavo grupo, ANNA☆S. Perto dos anteriores, uma maravilha. Na sequência, finalmente o festival começou a ficar divertido, com o Party Rockets. Algo me diz que já vi elas antes... Esse sim é legal, tem uma vibe meio Babymetal. Se bem trabalhadas podem ir longe. O décimo grupo a subir no palco, seguindo a linha mais pesada, só poderia ser quem? BiS é claro. =D De cara, noto algo de errado. Cadê a Waki??? Ela não esteve presente. Não achei info nenhuma a respeito da ausência dela, será que ela está denovo ruim de saúde, com o problema na perna? É pra começar a ficar preocupado...


 Elas estavam com a roupa preta de velório do single "Get You". Inclusive vale dizer que neste mesmo dia elas ainda fizeram um mini-live em Shinjuku promovendo o single. Elas estão bem atarefadas estas semanas, com apresentações quase diárias. Tudo dando certo, devo ver um destes mini-lives semana que vem. Elas cantaram "Survival Dance ~no no cry more~", "Paprika", "Idol", "nerve" e encerrando "Demo Sayonara", cover do Dorothy Little Happy. Curto, mas intenso. Não teve apresentação pessoal nem nada. Nada de Pour Lui falando besteiras. =( Pelo menos os staffs durante este show fizeram vista grossa e nós pudemos agitar bastante, inclusive saindo dos lugares e correndo pra frente do palco, se amontoando como é de costume em "nerve"... ^__^ Aproveitando que estou falando do grupo, o fã clube ainda continua naquelas de "em fase de preparação". Pelo menos tenho recebido emails diários com conteúdo exclusivo, seja das membros, seja dos staffs avisando sobre eventos, ingressos... Inclusive vale dizer que já começou a venda dos ingressos premium pro grande show one-man do dia 16 de março. Ingressos que dão direito a ir no backstage, ganha camiseta autografada, etc. Preço? Até 50 mil ienes. Isso mesmo CINQUENTA MIL ienes. É mole? Como não é a primeira vez que o grupo vem com estas de comercializar coisas a preços exorbitantes, já começo a desconfiar que dentre os fãs do grupo tem pelo menos uma meia dúzia de milionários bancando estas loucuras.

Dentre os emails das meninas, dá pra pegar algumas infos interessantes, como o fato da Nonchan tocar piano desde os três anos de idade e gostar de K-pop e Marilyn Manson, da Waki estar nos próximos dias participando da cerimônia de maioridade... Prosseguindo, logo em seguida veio o próprio, Afilia Saga East! Aqui devo dizer que fiz minha parte com louvor. Haviam poucos fãs do Afilia lá e o público em geral não se mostrou muito empolgado. =/ Hora de deixar o bom senso de lado e pular e berrar como se não houvesse amanhã, pra compensar o silêncio dos outros. =) Já sem a dupla Meiry e Kurumi, mas com a Raymee participando ativamente, eu gostei da apresentação. Já providenciaram figurino pra nova integrante (estavam com a roupa de diabinhas) e elas durante o rápido MC falaram da turnê de maio, com direito a Louise se atrapalhando no anúncio como de costume. Fizeram apresentação pessoal onde o destaque é invariavelmente o momento quando a Laura pede pra ser chamada de 'Laura' e a gente trolla ela gritando 'Sucreine!', no que ela fica inutilmente repetindo "não, não! Laura, L-a-u-r-a!". XD Elas cantaram "My White Ribbon", "Knee High Egoist", "Luminus no Izumi", "Survive!!" e encerraram com "Houkago_Romance". Divertido, mas se tivesse "Venus" ou "Hiko" seria ainda mais né, teve muita baladinha. Ah! Vale dizer que diferente do BiS, o Afilia está bem livre nestes dias. Três lives só marcados pra este mês. (sendo dois deles neste festival)


Acabou? Nada, ainda tinha mais três grupos pela frente. Começando pelo Hime kyun Fruit Can. Primeira vez que as vejo, era um dos grupos que eu mais queria conhecer. Criado em 2010, o grupo tem nestes últimos tempos ganhado uma boa projeção e vai se tornando uma das principais novidades do gênero. Eu tinha que ver com os próprios olhos se o tão comentado grupo era bom mesmo. Pois bem, é. Só precisam de uma grande gravadora por trás pra estourar. Como curiosidade, elas são de Ehime-ken, lugar não só afastado do país como terra de raros grupinhos idols. Só não dá pra dizer que o grupo empolga até defunto porque este título tem de ficar com o próximo a se apresentar: Up Up Girls Kakkokari. Creio que já tinha visto ela antes, mas não haviam me causado tanto impacto. Também pudera, o derradeiro sétimo single só foi lançado agora no final do ano. Só digo uma coisa, se eu tivesse escutado este "Upper Rock" uns dois ou três dias antes, fatalmente eu incluiria ele na minha lista de melhores singles do ano. Elas tem outras músicas agitadas também, mas esta é A música. Um clássico por natureza. Coreografia simples, batida meio dubstep e... é simplesmente frenético, genial. Uma das melhores músicas de um idol group que já ouvi.

Viraria fã se eu já não tivesse grupos demais pra acompanhar. O curioso é que o grupo é da agência Upfront. Sim, a mesma do Hello Project. Pior, as meninas do grupo são todas "ex-kenkyusei" do H!P. Quer dizer, não foram aproveitadas pelo Tsunku como deveriam e acabaram se reunindo primeiro pra fazer umas danças e covers de K-pop... o negócio ganhou corpo em 2012... e é outro grupo em franco crescimento atualmente. Não é difícil imaginar o porque. Se essas meninas tivessem sido promovidas pro Momusu e não aquelas lolis-chuchu, aposto que o grupo estaria em bem maior evidência hoje. Curioso também que a coreógrafa do grupo, Natsumi Takenaka (que participou do musical do Sailor Moon no passado) também trabalha com... o Passpo! =O Porra, porque você não fez essa coreografia pra minha Nachu!?!!?! ;___; Bem, pra encerrar o dia veio o Dorothy Little Happy. Grupo de Sendai, originado a partir do B flat e que acabou ficando bem mais famoso que este. Tem um grupo de seguidores fiéis, tem sua graça... mas não me cativa. Mesmo agora com esta campanha junto do BiS... as versões delas de "Get You" e "nerve" são bem inferiores às do BiS. =P Vale dizer que é um dos grupinhos dos quais eu não sou fã que eu mais vezes já vi até hoje. .___.


 O report acabou, mas não o post. Deixa eu aproveitar o embalo e compartilhar estas três fotos tiradas nas andanças por aí. A primeira é a do local onde ficava a loja do SKE48 em Shibuya. R.I.P. Agora está pra alugar... A segunda é a da fila de carros tunados dos fanáticos pela Ayumi Hamasaki. Sempre que tem show dela é um festival desses carros nas redondezas. (neste dia haveria o Countdown dela) Num sei se hoje em dia é algo a se admirar um carro personalizado com a Ayu, mas enfim. E na última foto, propaganda do terceiro jogo de dating sim do AKB48, na plataforma de uma estação de trem. Ainda num comprei meu jogo, estou esperando aparecer algum usado à venda. ^__^' Por hora é isto, mais reports nos próximos dias.

3 comentários:

MR disse...

LOL, não sabia que tinha um menino no Dream5, mas que diabos é isso? é pors wotas gays?? shuahsuahsa

Flávio da vitoria disse...

Como é o nome verdadeiro da Nonchan?

Tsu Yamato disse...

Flávio >> o nome dela é Nozomi Hirano. aqui o blog dela caso queira dar uma conferida http://ameblo.jp/hiranonozomi/

MR >> pois é, diferente né. normalmente os grupos idols são ou de meninas ou de meninos. tem o AAA que é misturado mas num dá pra considerar eles como um "grupo idol"... eu tenho por mim que incluíram o garoto pra atrair os shotacons. .__.